Presidente do Livres diz que não autorizou ninguém a incluir seu partido em nota da oposição

Presidente do Livres diz que não autorizou ninguém a incluir seu partido em nota da oposição
21/08/2017

O presidente do Livres, antigo PSL, Rodrigo Pires, não gostou de ver seu partido sendo incluído na nota da oposição assinada pelo presidente do PP, José Bestene, que trata sobre a decisão dos dirigentes das siglas em debater o nome do vice de Gladson Cameli apenas em 2018. A nota tem a assinatura de 12 partidos e foi veiculada na última terça-feira, 22, nos jornais locais.


Pires afirmou que não autorizou ninguém a incluir o PSL na nota. Ele estava viajando no começo da semana e quando chegou ao Acre, para sua surpresa, viu a assinatura de seu partido na nota da oposição.


“Ficou um clima chato porque dentro da base do partido eu não tinha apalavrado isso com ninguém. A gente defende, sim, um projeto liberal. A gente acredita que a oposição também defende. Mas só faremos aliança com quem apresentar um projeto de governo descente pro Estado”, disse.


Pires, que também é empresário, afirmou que conversou com um dirigente do PP sobre o assunto.


O presidente do Livres disse que o partido vai analisar a melhor proposta de governo, que é aquela que tem um foco liberal, a ideia de um Estado mínimo e com incentivo para o desenvolvimento da iniciativa privada.


Ele também não descarta a possibilidade de seu partido lançar candidatura própria ao governo do Acre.


A reportagem de ac24horas tentou falar com o presidente do PP, José Bestene, mas ele não atendeu o telefone informado, o 9997123**.


Fonte: http://www.ac24horas.com/2017/08/25/presidente-do-livres-antigo-psl-diz-que-nao-autorizou-ninguem-a-incluir-seu-partido-em-nota-da-oposicao/